Voltar à Home do Blog

A revolução da manufatura inteligente

A evolução da tecnologia transformou a forma como as fábricas são administradas, fazendo com que haja otimização da produtividade

A manufatura inteligente, também conhecida como indústria 4.0, visa informatizar as operações das fábricas, aumentando a eficiência de uso dos recursos e da mão de obra, a melhoria da capacidade de adaptação a diferentes processos. A partir do uso de sensores integrados a um sistema de gestão – dentro do que se chama de Internet das Coisas –, é possível tornar os processos produtivos mais organizados e alinhados aos propósitos e à satisfação de clientes e parceiros de negócios em outros processos.

Estudos realizados nos Estados Unidos indicam que o uso desse tipo de organização pode contribuir decisivamente para a melhora nos resultados, mas somente 13% das empresas de manufatura usavam conceitos e tecnologias de manufatura inteligente. Uma pesquisa da American Society for Quality (ASQ) indica que, das empresas que adotaram esse tipo de estratégia, 82% melhoraram sua eficiência, 49% reduziram os defeitos de seus produtos e 45% aumentaram a satisfação de seus clientes.

Quer saber como aumentar a produtividade e eficiência da sua empresa? Descubra como o Sage X3 pode lhe ajudar, clique aqui e saiba mais!

Como isso é possível?

Por meio da coleta e análise de grandes volumes de dados dos sensores instalados ao longo da operação, é possível avaliar cada etapa do processo produtivo, com informações reais e numéricas de cada etapa. A partir disso, pode-se encontrar diferentes soluções para melhorar a eficiência da manufatura como um todo, aumentando a previsibilidade, otimizando os custos e até mesmo eficiência dos seus colaboradores.

Barreiras para investimento no Brasil

A pesquisa Indústria 4.0, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), indica que o alto custo de implantação é uma das principais barreiras para o avanço nesta área. No entanto, a evolução tecnológica reduz a cada dia os custos dos equipamentos e os sistemas de gestão na nuvem diminuem custos de implantação e de aplicação de recursos em infraestrutura, aumentando o retorno. Uma pesquisa da FGV indicou que, para cada 1% a mais de investimento em Tecnologia da Informação, o lucro aumentou 7% após dois anos.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

26 setembro, 2016 por Guest Blogger

Sinais de que está na hora de investir em uma solução de gestão

Softwares não integrados que geram trabalhos manuais e retrabalhos, lentidão para acesso às informações do negócio ou falta de exatidão nos dados, são sintomas de que sua empresa precisa mudar o software de gestão Talvez, sua empresa precise trocar o …

21 novembro, 2016 por Guest Blogger

TI pode contribuir para uma atuação mais estratégica das indústrias

Boas práticas em Tecnologia da Informação resultam em redução de custos, maior eficiência e ainda facilitam a inovação A evolução das tecnologias usadas pela indústria e o surgimento de novas práticas, como a Internet das Coisas, estão modificando a forma …

19 julho, 2017 por Guest Blogger

Os 4 pilares do mapa estratégico da Indústria até 2022

Entenda os critérios usados pela CNI para determinar quais são os elementos-chave para permitir o crescimento da indústria do país nos próximos anos Não é novidade que a indústria sofreu um dos maiores baques com a crise econômica que afeta …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.