Voltar à Home do Blog

As universidades do Brasil estimulam o empreendedorismo?

Ao contrário do que se vê em outros países, onde a universidade é um ponto de partida para novos negócios, a lógica é invertida no Brasil

Apenas 36% dos estudantes universitários brasileiros acreditam que as salas de aula satisfazem suas necessidades a respeito do empreendedorismo. Entre os professores, o índice obtido por uma pesquisa realizada pelo Instituto Data Popular – encomendada pelo Sebrae e pela Endeavor – foi de 65%.

Menos de uma a cada cinco universidades do país (17%) não apresentavam qualquer tipo de iniciativa interna de incentivo ao empreendedorismo, como incubadoras, programas específicos para jovens, entre outras ações. E menos de uma em cada dez universidades (6%) proporciona e oferece programas buscando uma visão mais empreendedora, focando na criação e gestão de novos negócios, de franquias e inovação em tecnologia.

Sua empresa já conta com um sistema de gestão? Conhece os benefícios que essa ferramenta pode trazer ao seu negócio? Entre em contato com os nossos consultores.

Não à toa, mais da metade dos 2,2 mil alunos entrevistados não busca algum tipo de apoio ou de incentivo com os seus professores. A pesquisa também ouviu 670 professores para compreender como as universidades estão lidando com o empreendedorismo.

Inserir disciplinas que fomentem o empreendedorismo e a inovação é algo importante não apenas para o desenvolvimento pessoal dos alunos, como para o país como um todo. Empreendedores de alto impacto contribuem para a criação de empregos, geração de renda e benefícios para o país – imagine o impacto de empresas como Google, Apple para a economia dos EUA em escala global?

Mais do que isso: o desenvolvimento de capacidades de liderança e de gestão não servem apenas para tocar o próprio negócio, mas são ferramentas cruciais para o que se denomina de intraempreendedorismo – leia este artigo para compreender melhor o conceito.

Evoluindo como sociedade

Dar mais suporte aos empreendedores não se trata apenas de melhorar a economia, mas de desenvolver pessoas que busquem melhorar a maneira como interagimos em sociedade – e o Brasil apresenta um enorme potencial neste sentido.

Os novos negócios podem, por exemplo, encontrar diferentes formas de manipular a natureza, de forma mais sustentável e responsável, encontrar caminhos para coordenar pessoas ou desenvolver plataformas que auxiliem na educação. Em suma, um produto, um novo processo ou um outro tipo de organização pode ser eficiente e rentável, mas, ao mesmo tempo, contribuir para toda a economia e sociedade como um todo.

Um dos conselhos de Richard Branson, empresário britânico famoso em todo o globo, é de que os empreendedores devem devolver à comunidade.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

21 setembro, 2016 por Guest Blogger

Como integrar diferentes CNPJs dentro de um único sistema de gestão

A cada dia é mais comum empresas atuarem em mais de um segmento; O desafio é integrar as operações para simplificar a gestão Em busca da redução do pagamento de tributos, muitas empresas optam por ter mais de um CNPJ …

7 fevereiro, 2018 por Guest Blogger

O que é SaaS e WaaS?

Se você acessa com frequência sites que falam sobre tecnologia e administração, certamente já deve ter se deparado por termos como SaaS e WaaS nos mais diversos tipos de conteúdo. Entretanto, se o termo não vier acompanhado de tradução, é …

13 setembro, 2017 por Guest Blogger

5 segmentos que serão transformados pela Internet das Coisas

Transportes e Logística, Indústria, Energia, Varejo e Saúde devem ser completamente transformados com a evolução desta tecnologia A Internet das Coisas pode ser considerada como o elemento fundamental para a ocorrência da 4ª Revolução Industrial, responsável pelo desenvolvimento da Indústria …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.