Voltar à Home do Blog

Cross Docking ou Dropshipping?

Conheça as diferenças entre os dois modelos de logística para a entrega de produtos

Recentemente, o blog Sage X3 mostrou que o transporte representa cerca de 60% dos gastos logísticos empresariais. No entanto, a armazenagem e a distribuição podem se tornar fontes de custos tão impactantes quanto o transporte em si. Nesse contexto, dois modelos de trabalho estão ganhando corpo entre as empresas, o Dropshipping e o Cross Docking.

Fato é que os dois modelos exigem gestões diferentes por parte da empresa e visam reduzir os custos deste processo. No Cross Docking, o armazenamento é próprio e, como há envio direto ao consumidor, o controle deve ser preciso. No Dropshipping, por vezes, a empresa sequer detém o produto, mas, sim, uma parceria com armazéns que o tem, exigindo grande interação entre ambos e um acompanhamento total até a entrega ao consumidor.

Abaixo, mais informações sobre esses métodos de trabalho, seus benefícios e de que forma podem contribuir para as companhias.

Está com dificuldades para controlar o seu armazém? Invista em uma ferramenta que simplifique este processo. Saiba mais!

Cross Docking

Trata-se de um método no qual o principal propósito é cortar a presença de intermediários e acelerar o processo de entrega até o final, além de reduzir os custos de estocagem. Ao contrário do que se vê em processos tradicionais de armazenagem, quando os itens são movimentados até a saída, no cross docking eles são diretamente enviados ao cliente final.

Esse modelo é usado, em geral, por empresas com grande volume de entregas, que necessitam de controle das saídas de produtos, mas, ao mesmo tempo, demandam agilidade. Para que esse método tenha sucesso, há necessidade de um projeto específico, com o total mapeamento do processo, indicação de informações (horários de coleta, etiquetas, dias de movimento) e uma análise de soluções.

Com esse planejamento concluído, o Cross Docking demanda uma ferramenta capaz de acompanhar toda essa movimentação, de forma a evitar equívocos na entrega e garantir que a qualidade do processo de distribuição seja mantida.

Dropshipping

O Dropshipping é uma solução que pode ser usada por médios negócios, especialmente aqueles que preferem estabelecer parcerias com fornecedores e não contam com estoque próprio. Ao receber uma demanda, o empresário manda um alerta à empresa parceira, a um armazém ou a um centro de distribuição, que é responsável por enviar os produtos. Ao contrário do Cross Docking, o processo exige menos controle, visto que um terceiro é responsável pela distribuição.

Como o controle do armazém não é da empresa, alguns problemas podem derivar, como o desconhecimento pela falta de um produto em estoque, atrasos nas entregas e mesmo questões mais específicas, como a devolução de produtos. Esses pormenores podem ser solucionados com uma gestão eficiente da empresa e um bom relacionamento com os armazéns responsáveis a fim de evitar problemas que afetem a imagem e o lucro empresarial.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

29 novembro, 2017 por Guest Blogger

Internacionalização de empresas brasileiras cresce em 2016

Índice saltou de 23,2% para 27,3%, entre 2014 e 2016, incentivado pelas dificuldades do mercado interno do país, que passou por um período de crise As empresas brasileiras enxergam as possibilidades no mercado internacional como otimistas, especialmente após o arrefecimento …

17 março, 2017 por Guest Blogger

Bons exemplos de uso do Big Data

Seis ramos diferentes já colhem os benefícios de aplicar o Big Data em seu cotidiano Cada vez mais, os dados fazem parte do dia a dia das empresas, auxiliando na tomada de decisões. Um relatório elaborado pela IDC – uma …

18 setembro, 2017 por Guest Blogger

Como se planejar para a disruptura tecnológica

Muitas empresas temem ficar para trás em seu segmento, mas um sistema de gestão que contemple a evolução das tecnologias permite se manter atualizado As inovações disruptivas são um tema polêmico e que geram medo em muitas empresas: o temor …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.