Voltar à Home do Blog

O desafio em qualificar novos profissionais para a Indústria 4.0

O bom desempenho das tecnologias industriais vão depender do desenvolvimento de novas capacidades nos colaboradores em prol de um melhor resultado empresarial

A Indústria 4.0 promete mudar a produção das fábricas, com a evolução das tecnologias de controle e gestão, uso mais adequado das matérias-primas, otimização de custos, entre tantos outros benefícios mostrados neste artigo. Essa mudança traz transformações para todo o processo, como a possibilidade de personalização de itens e a necessidade de qualificar profissionais.

Um estudo do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) indica que o Brasil terá que capacitar 13 milhões de profissionais em razão da demanda do setor prevista entre 2017 e 2020. A grande questão é: como fazê-lo?

Sua empresa já está usando o Big Data? O Sage X3 pode tornar esse processo muito mais simples. Conheça o diferencial deste sistema de gestão.

O perfil do novo profissional

Todas essas mudanças podem fazer com que as indústrias exijam dos novos profissionais capacidades ainda não trabalhadas. Ou seja, com a evolução das novas tecnologias – como a Internet das Coisas, cujo impacto econômico pode chegar a US$ 11 trilhões até 2025, segundo análise do Instituto Global McKinsey –, assim como as empresas, os trabalhadores terão que incrementar sua capacidade analítica para compreender de forma mais profunda o processo produtivo.

Assim como acontece em outros setores, as evoluções da tecnologia, a demanda do mercado e o currículo das universidades nem sempre estão alinhados. Por esse motivo, as próprias indústrias podem contribuir, desenvolvendo formações, investindo em conceitos e melhorias específicas para o seu segmento de negócio.

Especificidades

Por mais que um profissional seja qualificado, há sempre um período de adaptação à nova função e, mais do que isso, a necessidade de compreender as especificidades deste novo segmento de atuação. Portanto, as empresas podem (e devem) exigir dos novos profissionais conhecimento das novas tecnologias, como a Internet das Coisas e o Big Data, por exemplo.

A forma de uso dessas tecnologias, por outro lado, é capaz de alterar decisivamente os resultados obtidos, mesmo com uma estrutura e mão-de-obra semelhantes. É nesse contexto que as indústrias devem preparar os seus profissionais para que tenham a capacidade analítica de compreender o seu negócio e de encontrar soluções específicas para um determinado tipo de produto ou um perfil de público.

A tecnologia será uma grande aliada neste processo, mas não se pode depender exclusivamente dela para se garantir os resultados daqui para a frente. Você está preparado para essas mudanças?

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

15 agosto, 2016 por Guest Blogger

Como a nuvem pode oferecer à sua empresa a flexibilidade para crescer

É possível crescer de forma ágil e escalável com aplicações em nuvem, mantendo segurança e flexibilidade na gestão Empresários e administradores vivem diariamente o dilema de gerenciar suas operações de forma ágil e assertiva, acompanhando as mudanças do mercado, as …

23 novembro, 2016 por Guest Blogger

Empresas brasileiras planejam economizar para crescer

Pesquisa conduzida pela Deloitte mostrou que estratégias de TI e melhoria de previsões e relatórios estão entre os alvos buscados pelas companhias do país Uma pesquisa conduzida pela Deloitte – “Sucesso em meio às incertezas, práticas em melhoria de custos …

17 março, 2017 por Guest Blogger

Bons exemplos de uso do Big Data

Seis ramos diferentes já colhem os benefícios de aplicar o Big Data em seu cotidiano Cada vez mais, os dados fazem parte do dia a dia das empresas, auxiliando na tomada de decisões. Um relatório elaborado pela IDC – uma …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.