Voltar à Home do Blog

O novo papel do gestor de TI

Responsáveis pela área de tecnologia ganham papel cada vez mais importante na estratégia de negócio das companhias, indicando novos caminhos e soluções

Acabou o tempo no qual o gestor de TI era o responsável unicamente pela infraestrutura e o bom funcionamento da tecnologia para apoiar os negócios – controlando o seu desempenho por meio de chamados solucionados. O novo papel do gestor de TI exige conhecimento mais abrangente a respeito das rotinas de backoffice e do core business do negócio. Com esses conhecimentos, o gestor de TI torna-se figura chave não apenas para o suporte básico da operação, mas para o crescimento do negócio como um todo, assumindo o papel de conselheiro. Outro ponto está na capacidade de auxiliar no planejamento de longo prazo da companhia e de uma capacitação constante – acompanhando de perto as novidades e inovações importantes. A aplicação da tecnologia adequada nas diferentes áreas pode se tornar um diferencial, criando vantagens competitivas em um mercado cada vez mais disputado.

Busca reduzir custos e aumentar a eficiência da sua empresa? Conheça o Sage X3 e os benefícios que ele pode oferecer ao seu negócio.

Papel essencial

Uma pesquisa realizada pela Gartner mostrou que, entre as principais atribuições dos CIOs em 2016, estavam os meios de ampliar a eficiência operacional e a redução de custos. Em outras palavras, fazer mais com menos. Existe tendência, contudo, que, com o passar do tempo, a TI assuma cada vez mais um papel essencial na estratégia das empresas, contribuindo para não só para otimizar o desempenho e diminuir custos, mas para garantir o crescimento do negócio.

Nesse contexto, o gestor de TI tem um papel importante de fazer com que o setor não seja visto apenas como uma área exclusiva de suporte. É possível criar métricas e outros meios para mostrar como o bom funcionamento do segmento impacta no bom desempenho da companhia.

Geração de custos

Por muitos anos, o setor de TI foi entendido basicamente como uma área geradora de custos para as empresas. No entanto, há uma tendência de que essa visão se transforme em função da necessidade por inovação e da percepção de que o uso adequado da tecnologia será cada vez mais valorizado por clientes e consumidores.

Estudos mostram que as empresas brasileiras estão aumentando seu aporte de recursos em TI. Houve um aumento de investimento no setor, saltando de 5% do faturamento líquido empresarial para 7,6% em 2015. Além disso, o retorno se mostra cada vez maior: pesquisas apontam que para cada 1% de aumento de recursos em TI, o lucro pode aumentar em até 7% após dois anos.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

26 abril, 2018 por Guest Blogger

Entenda o valor real da tecnologia de gestão para a Indústria

O setor de manufatura sempre foi competitivo. Desde a primeira revolução industrial, as empresas deste segmento procuram melhorar processos e produtos de maneira que seja possível alcançar maior vantagem competitiva. Seja na tarefa de aperfeiçoar o processo de produção ou …

3 fevereiro, 2017 por Guest Blogger

Distribuição: como aumentar a eficiência

Transportes representam 60% dos custos logísticos e ganham um peso ainda maior em um país de dimensões continentais como o Brasil Os custos de transporte representam aproximadamente 60% dos custos logísticos, tomando como base um estudo do Banco Mundial. O …

19 julho, 2017 por Guest Blogger

Os 4 pilares do mapa estratégico da Indústria até 2022

Entenda os critérios usados pela CNI para determinar quais são os elementos-chave para permitir o crescimento da indústria do país nos próximos anos Não é novidade que a indústria sofreu um dos maiores baques com a crise econômica que afeta …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.