Voltar à Home do Blog

Perdas diminuem em 2,26% faturamento dos supermercados

Em 2015, as empresas deste segmento deixaram de faturar R$ 6,19 bilhões, especialmente devido a erros administrativos e operacionais

Quase R$ 6,2 bilhões deixaram de entrar no caixa dos supermercados do país, em 2015, o que representa 2,26% do faturamento líquido obtido pelos estabelecimentos no período. Essas informações são de um estudo da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), baseada em um questionário aplicado a mais de 300 empresas, que somam R$ 79 bilhões de faturamento em 4,3 mil lojas.

De acordo com a pesquisa, são várias razões para essas perdas:

Quebra operacional – 36%

Furto Externo – 20%

Erros de Inventário – 11%

Furto Interno – 9%

Erros Administrativos – 8%

Fornecedores – 8%

Outras causas – 8%

Em qualquer situação, otimizar os investimentos e a aplicação de recursos é algo positivo, mas isso ganha um peso adicional em momentos econômicos turbulentos.

Quer ganhar controle da entrada e saída de itens do seu estoque? Conheça o Sage X3 e saiba como ele pode melhorar a performance da sua empresa.

Controle de estoque e de mercadorias

Um sistema de gestão é uma das ferramentas mais apropriadas para reduzir esse desperdício no faturamento. Embora os furtos externos sejam mais complexos para se evitar, a inclusão do recebimento de mercadorias desde o setor logístico evita que ocorram quebras operacionais, erros de inventário ou administrativo e os furtos internos, com a possibilidade de acompanhamento em tempo real.

Com base nas informações da pesquisa, é possível afirmar que 7 em cada 10 itens não encontrados estão diretamente relacionados aos aspectos administrativos. Quatro das cinco primeiras medidas usadas pelos estabelecimentos para otimizar o desempenho deste setor têm relação com o uso de um sistema de gestão:

Uso de coletor de dados para inventário – 80%

Coletor no recebimento – 64%

Software de monitoramento e acompanhamento de perdas – 62%

Sistema especializado em inventário – 57%

Soluções

Os coletores de dados são equipamentos muito úteis para serem usados no setor de distribuição e logística das empresas. Como podem estar conectados à internet, seu uso pode ser diretamente acoplado a um sistema de gestão, como o Sage X3, permitindo a outros colaboradores e gestores terem a medida exata da entrada e da saída de itens – pelo controle do caixa ou no transporte entre centros de distribuição.

Além disso, ter mais controle dessas informações evita que a empresa desperdice recursos no transporte ineficiente de recursos, um dos maiores custos em termos logísticos.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

7 janeiro, 2016 por David Rawling

Administração financeira: evite dores de cabeça e perda de tempo

Problemas na administração financeira podem estar relacionados à metodologia Você tem dificuldades em gerir seu processo de fluxo de caixa ou perde muito tempo com tarefas manuais e repetitivas? O seu atual sistema financeiro pode estar dificultando o trabalho mais …

14 fevereiro, 2018 por Guest Blogger

O futuro da indústria automotiva e o que ela significa para o seu negócio

A indústria automotiva é conhecida por impulsionar a inovação, com os veículos atuais muitas vezes representando o que há de mais moderno em termos de tecnologia nas mãos dos consumidores. De fato, o desempenho parece estar forte, com a Statista …

11 abril, 2018 por Guest Blogger

A logística 4.0 para a indústria e o varejo

A Indústria 4.0 entrou no vocabulário de muitos executivos, que buscam as melhores maneiras de estruturar a sua manufatura para o uso das tecnologias necessárias para tal. Mas, se a produção de itens está em linha com as boas práticas …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.