Voltar à Home do Blog

77% dos brasileiros reclamam do excesso de burocracia

Estudo realizado pela CNI mostrou que grande parte dos brasileiros acredita que as formalidades interferem no crescimento econômico e dificultam a atuação das empresas

Quase 8 em cada dez brasileiros considera a burocracia do Brasil excessiva. O resultado é fruto de uma pesquisa conduzida pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), a Retratos da Sociedade Brasileira – Burocracia, que ouviu 2002 pessoas em 142 municípios do país. Uma das percepções da população é de que a burocracia interfere diretamente no crescimento econômico do país, sobretudo em momentos de crise.

Outros questionamentos foram feitos, mostrando que o excesso de leis e a dificuldade em lidar com aspectos tanto da vida profissional quanto pessoal incomodam aos brasileiros de uma maneira geral. No entanto, as empresas, na opinião de 60% dos entrevistados, sofrem mais com as dificuldades relacionadas ao acompanhamento da legislação.

Veja, abaixo, outras conclusões obtidas pelo levantamento:

– 72% das pessoas acreditam que o governo deve dar prioridade à redução da burocracia

– 74% concordam em parte ou totalmente com a afirmação de que “a burocracia desestimula os negócios”

– 75% acreditam que a burocracia eleva os preços de produtos ou serviços

Está com dificuldade para acompanhar as mudanças de legislação em seu segmento? Conheça o Sage X3 e seu processo de atualização de leis.

A força do compliance

Estar em conformidade com a lei se tornou um grande desafio das empresas brasileiras – e também uma oportunidade –, especialmente às interessadas em ingressar em novos mercados (com o cumprimento de leis e recomendações internacionais) e após a disseminação das informações da Operação Lava Jato. Nesse contexto, quanto mais leis existirem, maior a dificuldade empresarial em garantir que todos os seus atos estão de acordo com as regulamentações, além do trabalho para acompanhar as modificações.

Custo do acompanhamento

Uma empresa brasileira segue, em média, 3.649 normas e 40.865 artigos, segundo estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e de Tributação (IBPT). Por esse motivo, o custo para os empresários em acompanhar as transformações da lei chega a R$ 50 bilhões ao ano, um desafio. Os tributos indiretos, por exemplo, são um verdadeiro transtorno para os empresários, como pode ser notado neste artigo do blog.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

8 maio, 2017 por Guest Blogger

As cinco vantagens das ferramentas na nuvem

Escala, performance, mobilidade, custos e retorno aparecem como benefícios das empresas que optam por esse tipo de tecnologia Usar ferramentas de gestão em nuvem pode reduzir os custos das empresas em até 25%, como o blog já mostrou neste artigo. …

11 setembro, 2017 por Guest Blogger

Empresas já são multadas por desrespeito ao Siscoserv

Tribunal Regional Federal da 3ª Região reconheceu, de forma unânime, a imposição de multa por não prestar informações relacionadas ao Comércio Exterior Desde 2011, é obrigatório prestar informações sobre transações internacionais ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). …

3 maio, 2017 por Guest Blogger

O diagrama de afinidades, seu uso e importância

Muitas empresas não encontram soluções para problemas específicos, justamente o objetivo buscado com a ferramenta em um trabalho em grupo de colaboradores Dentro de um sistema de gestão por processos, existem várias ferramentas que podem ser usadas. Recentemente, o blog …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.