Voltar à Home do Blog

Empresas brasileiras avançam em capacidade tecnológica

Estudo da Fundação Getúlio Vargas comparou indústrias de cinco setores entre 2003 e 2014; atualmente quase 1 em cada dez empresas está no topo de sua possibilidade

Uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas fez um acompanhamento da evolução da capacidade tecnológica da indústria brasileira entre 2003 e 2014. O resultado mostrou que 8% das indústrias do país podem ser consideradas no topo “da Inovação em Liderança Mundial” em 2014 – o porcentual era de 5% em 2003. Ou seja, praticamente uma em cada 10 indústrias do país são extremamente inovadoras.

No período, houve avanço em todas as áreas: a inovação avançada, de 29 para 32%; em inovação intermediária, de 51% para 70%; e em inovação básica, de 89% para 95%. Os resultados avaliam cinco setores específicos da indústria: sucre energética, celulose e papel, mineração, petróleo e gás e siderurgia. A análise levou em conta três critérios: capacidade tecnológica, mecanismos de aprendizagem e a competitividade.

O estudo se chama “Acumulação de Capacidades Tecnológicas e Fortalecimento da Competitividade Industrial no Brasil” e foi publicado pela instituição recentemente em seu site. Para checar a pesquisa como um todo, basta acessar este site.

Quer reduzir custos e acompanhar o processo produtivo como um todo? Conheça o Sage X3 e os benefícios que a ferramenta gera para o seu negócio.

Relação entre capacidade produtiva e resultado

Conseguir controlar os elementos produtivos tecnológicos e incrementar a produtividade são desafios para as indústrias. O estudo da FGV mostrou que, quando uma companhia sobe um dos degraus da pesquisa, a receita vendas aumenta, em média, 34%. De certa forma, o resultado da pesquisa corrobora outro estudo, que mostrou que o investimento em tecnologia também resulta em crescimento do faturamento.

Outra constatação foi: a implantação da tecnologia em empresas sem nenhuma infraestrutura oferece resultados mais rápidos em produtividade do que ao passar de inovação intermediária para avançada, por exemplo. “Quanto menor o nível de capacidade tecnológica da empresa, maiores foram as chances de ganho, em termos de produtividade”, ressalta a pesquisa.

Por óbvio que, para atingir os níveis mais elevados de capacidade tecnológica, há necessidade de tempo e de uma expertise, tanto dos gestores quanto dos colaboradores. Nesse contexto, uma das constatações da pesquisa é de que a distância para o maior nível de infraestrutura não deve ser avaliada com pessimismo, mas como uma oportunidade de melhoria e de competição para as empresas do país.

Benefícios da inovação

Outro estudo – o Bússola da Inovação –, conduzido pela Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), mostrou os benefícios que o investimento em inovação pode gerar. O artigo pode ser visto na íntegra, mas mostra que a qualidade dos produtos aumenta, acompanhada por uma redução de custos e com o incremento da competitividade.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

27 janeiro, 2017 por Guest Blogger

4 dicas para criar métricas relevantes

Transformar dados em informações e ter uma equipe dedicada a essa análise pode se tornar um diferencial para as empresas se manterem em crescimento A boa performance de um negócio está diretamente relacionada ao sucesso na rentabilidade e na produtividade. …

20 setembro, 2017 por Guest Blogger

Como os robôs e a inteligência artificial podem mudar as questões jurídicas

Robôs e a capacidade de aprendizado das máquinas podem transformar áreas complexas e trabalhosas, como a tributária A JP Morgan, considerada uma das principais empresas do ramo de finanças dos Estados Unidos, desenvolveu um software – uma espécie de robô …

29 agosto, 2016 por Keith Fenner

Tecnologia inteligente gera vantagens competitivas

Os empresários estão olhando nos espelhos retrovisores, preocupados se a Uber de seu setor começará a acelerar atrás deles, ultrapassando-os e deixando-os para trás. No entanto, este modelo de negócio, bem como as plataformas de tecnologia que eles utilizam, estão …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.