Voltar à Home do Blog

Nova manufatura: 3 estratégias de crescimento de transformação digital para fabricantes

Quais as melhores estratégias de crescimento de transformação digital que uma empresa pode adotar nos dias de hoje? As alternativas são muitas e se você pesquisar na internet vai encontrar um número quase infinito de informações. O difícil é saber o que aplicar e quais são as maneiras de se fazer isso corretamente.

Uma pesquisa recente da Morar Consulting apontou que os negócios que mais crescem – e que crescem mais rapidamente – são aqueles que investem mais tempo em planejamento estratégico. O mesmo princípio pode ser utilizado para aquelas companhias que buscam usar os meios digitais para transformar o negócio.

Para isso, é preciso entender em qual contexto eles estão inseridos e, principalmente, de que maneira a tecnologia pode agregar valor ao negócio. Nesse artigo, trataremos sobre três estratégias de crescimento por meio da transformação digital que a sua empresa pode adotar hoje mesmo.

Estratégia 1: defina os objetivos de crescimento

Nem todas as empresas se encontram no mesmo patamar quando o assunto é tecnologia. Umas estão mais avançadas enquanto outras ainda engatinham com relação àquilo que está disponível. Além disso, mercados requerem estratégias diferentes, e isso também se aplica ao desenvolvimento tecnológico.

Estabeleça prioritariamente o que funciona hoje para o seu negócio, identifique quais pontos requerem atenção imediata e pesquise como a transformação digital pode agregar valor aos seus produtos. A McKinsey sugere ainda que os empresários se façam cinco perguntas e tomem as decisões com relação a transformação digital a partir das respostas.

  1. Como a transformação digital vai influenciar o meu segmento nos próximos cinco ou dez anos e que novos ecossistemas surgirão?
  2. Onde está o valor para a nossa empresa e como podemos maximizá-lo?
  3. O quão perto está a revolução para a minha empresa e onde devemos fazer investimentos em infraestrutura, segurança cibernética e parcerias?
  4. Quais novos recursos, habilidades e mentalidades a organização precisará? Como identificamos, recrutamos e retemos novos talentos?
  5. O que deve ser iniciado agora para começar a capturar valor?

Estratégia 2: invista em estratégia e tecnologia

Quando se trata de investir em novas tecnologias, não estamos falando apenas da simples modernização de uma fábrica apenas por ser essa uma tendência. É preciso entender o motivo de cada mudança e ter em mãos um planejamento que contemple quais serão os potenciais ganhos advindos dessas novidades.

Quando se trata das fábricas, entram em cena elementos como inteligência artificial, que possa facilitar a tomada de decisão em tempo real; Internet das Coisas, com sensores inteligentes programados para enviar alertas e respostas automáticas para o sistema; e a automatização da logística da cadeia de suprimentos.

Para o Aberdeen Group, os pilares principais da digitalização tecnológica são a IoT, a computação na nuvem e o uso de Big Data. Porém, para muitos fabricantes, as necessidades de transformação digital virão das demandas dos seus consumidores: a busca por uma experiência de consumo cada vez mais personalizada também é um fator que deve ser observado.

Estratégia 3: adicione valor ao negócio

Já mencionamos esse ponto de vista, mas ele precisa ser reforçado: não basta apenas investir em inovação digital. É preciso saber o real motivo de estar fazendo esse investimento. A nova tecnologia deve agregar valor ao seu negócio. E uma das maneiras de obter informações como essas é por meio da análise de dados.

Segundo o IDC, menos de 10% dos dados obtidos pelos fabricantes são utilizados efetivamente para a tomada de decisões. Portanto, investir em tecnologias que permitam não apenas a coleta de mais informações, mas também a análise desses dados pode ser o primeiro passo no sentido de proporcionar um planejamento estratégico mais eficiente.

Quanto mais elementos a sua empresa tiver no momento do planejamento, muito provavelmente mais assertivas serão as suas decisões. Em outras palavras, seja lá qual for o significado de “transformação digital” para o seu negócio, usar as ferramentas corretas fará toda a diferença e ajudará sua empresa a se tornar mais competitiva.

LEIA MAIS:

 

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

21 dezembro, 2016 por Guest Blogger

Estabeleça um roteiro produtivo em sua manufatura

Confira cinco dicas para estabelecer um guia produtivo para a sua indústria Padronizar processos é fundamental em uma manufatura – recentemente, o blog mostrou como um sistema de gestão pode contribuir para obter certificações ISO. Otimizar a capacidade produtiva de …

5 setembro, 2018 por Guest Blogger

3 lições que podemos tirar das estratégias industriais da China para 2025

O que as empresas brasileiras podem aprender com as estratégias industriais da China? Aparentemente, muita coisa deve mudar na abordagem do gigante asiático com relação às suas maiores empresas. Em tempos em que o presidente Xi Jinping contorna uma relação …

8 agosto, 2016 por Guest Blogger

O que é manufatura discreta e por processos?

Entenda a diferença entre os métodos produtivos neste artigo e a importância de conseguir administrar as operações Você sabia que uma manufatura pode trabalhar de duas formas distintas? Cada uma delas é aplicada a diferentes segmentos por razões técnicas relacionadas …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.