Voltar à Home do Blog

Um guia para oferecer lembranças a parceiros

O compliance não visa apenas fazer o que é certo para a sua empresa, mas também respeitar as regras na relação com parceiros, em especial o poder público

Como estar sempre presente na memória de parceiros? Lembranças – o processo também chamado de gifting – a clientes, fornecedores, consultores, stakeholders e mesmo agentes públicos é uma política adotada por muitas empresas. Não há nada de errado em fazer isso, mas é preciso ter em mente que suas ações não podem desrespeitar o Código de Ética ou de Conduta dos parceiros.

Deve-se ter uma preocupação especial na relação com os órgãos públicos, pois os presentes em hipótese alguma podem ser confundidos com propina. Há uma diferença grande entre os dois conceitos: uma lembrança visa trazer o conceito de respeito, gratidão, enquanto a propina está associada a interesses indevidos.

Essa relação de “dar-receber” é algo que acontece há muitos anos e tem potencial importância nas relações que as empresas constroem com seus parceiros. Baseado em um guia desenvolvido pelo Instituto Brasileiro de Direito e Ética Empresarial (IBDEE), veja algumas dicas para estar sempre em linha com as políticas empresariais – respeitando as oportunidades do compliance empresarial.

Procurando um sistema de gestão capaz de melhorar a administração do seu negócio? Teste o Sage X3, uma ferramenta intuitiva capaz de oferecer uma perspectiva diferente do seu negócio.

1 – Procure saber se o seu parceiro possui um Código de Ética ou de Conduta antes de enviar brindes ou presentes. No caso de um envio a órgão público, existem leis estaduais e federais que regem essa relação. Informe-se a respeito delas e os limites estabelecidos.

2 – Se a empresa tiver uma área de compliance, entre em contato para saber mais a respeito dessa política. Se esse setor não estiver destacado, os responsáveis pelo jurídico podem contribuir para identificar essas regras.

3 – Desenvolva uma espécie de “cartão presente”, indicando que a oferta de um brinde foi entregue por interesse do ofertante e que não há necessidade de nenhuma política de retorno sobre isso.

4 – Cada empresa tem o seu Código de Conduta ou de Ética, mas, se não for possível identificá-lo, adote uma política de não ultrapassar os R$ 100 no valor dos presentes ou brindes, algo que geralmente vai manter sua empresa dentro dos limites aceitáveis.

5 – Em geral, os brindes devem ser desprovidos de caráter comercial – agendas, canetas, copos, enfeites – e, sempre que possível, visam agregar valor com a marca empresarial. Dessa forma, demonstra-se que se trata de mera publicidade.

A preocupação pode até soar exagerada, mas esse respeito e cuidado vão melhorar a imagem de sua empresa perante fornecedores, clientes e stakeholders, fortalecendo a parceria com o seu negócio.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

26 outubro, 2016 por Guest Blogger

Sage X3 forma novos consultores para regiões Sul e Sudeste

500 horas de treinamento presencial: qualificação para garantir implantações mais rápidas e assertivas O Sage X3 está ganhando 61 novos consultores técnicos para atuar nas regiões Sul e Sudeste. Os profissionais estão concluindo uma capacitação, com duração de três meses, …

4 julho, 2018 por Guest Blogger

Como ganhar mais dinheiro com dados de grande volume e análise preditiva

Sua empresa precisa considerar o uso de Big Data e de análise preditiva, se ainda não estiver fazendo isso. Mas por quê? As recentes mudanças legislativas dos EUA estão alterando a maneira como as empresas operam em um mercado global. …

21 fevereiro, 2018 por Guest Blogger

Por que o marketing de tecnologia tem que estar no radar dos CEOs?

A tecnologia está presente em absolutamente tudo o que fazemos. Quando falamos de gestão empresarial, então, dissociar uma coisa da outra pode significar que a sua empresa não está preparada para enfrentar o dia a dia do mercado. Não são …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.