Voltar à Home do Blog

Você conhece o ciclo PDCA?

Planejamento, fazer (do), monitorar (check) e agir podem gerar um ciclo virtuoso positivo para a empresa

Estabelecer processos é uma das formas mais eficientes para se obter sucesso na gestão das empresas. Várias metodologias podem ser usadas para isso – cada uma com seus benefícios e desvantagens. Neste post, o blog vai trazer mais informações a respeito de uma metodologia corporativa capaz de facilitar a identificação de fragilidades e de propor mudanças positivas para toda a companhia: o ciclo PDCA.

Vale lembrar que padronizar a gestão e a produção são desafios vividos diariamente pelas empresas. Muitas delas procuram estabelecer os processos para obter as certificações ISO – um reconhecimento nacional e internacional dos padrões de qualidade –, que se tornam muito menos complexas com a padronização e personalização propiciada por um sistema de gestão.

Quer ter mais controle e tornar a gestão da sua empresa mais eficiente? Teste o Sage X3 e sinta os benefícios que ele pode oferecer ao seu negócio.

O ciclo PDCA

A metodologia busca a melhoria contínua da empresa, prevendo quatro atos distintos que dão o nome da técnica: P, de planejamento (Planning); D, de fazer (Do, em inglês); C, de monitorar os índices (Check, em inglês); e A, de agir (Act).

O objetivo é que esse método seja usado de forma sucessiva, melhorando o planejamento, a produção, o monitoramento do desempenho e a qualidade dos produtos ou serviços oferecidos. Ou seja, trata-se de um processo repetitivo, que precisa ser incorporado à cultura organizacional para oferecer resultados.

Entenda o conceito por trás de cada letra

Planejar – É a fase de estabelecer os objetivos e metas (com métricas palpáveis), além de identificar possíveis problemas e obstáculos que devem ser superados. Para que a organização tenha efeito, é preciso criar um plano de ação, com um cronograma de atividades e de responsáveis.

Fazer – Trata-se do momento de executar o plano. Para que funcione, é importante contar com líderes ou gestores capazes de colocar as tarefas em operação e implementar as ações.

Monitorar – É preciso checar o andamento do planejamento e do momento de ação para identificar como o processo está evoluindo, quais as falhas e quais aprendizados foram obtidos para que o próximo ciclo seja ainda melhor.

Agir – Todas as etapas do processo são importantes, mas a ação tem um papel preponderante. Trata-se de levar em conta as informações levantadas na fase de monitoramento e oferecer sugestões de melhorias que devem ser implantadas no próximo ciclo, criando um círculo virtuoso que será sempre retroalimentado.

Guest Blogger

Our "Guest Bloggers" come from a variety of backgrounds and companies. They can be Sage people, Sage Business Partners, Independent Software Vendors, Thought Leaders or Analysts, that have valuable knowledge, expertise and experience on a variety of different subjects and topics.

Matérias relacionadas

19 dezembro, 2016 por Guest Blogger

Médias empresas: mercado da nuvem deve crescer no Brasil

Até 2020, a tecnologia em nuvem deve crescer em uso, chegando a investimentos de R$ 200 bilhões apenas no mercado das empresas de médio porte O mercado de nuvem para as médias empresas deve movimentar US$ 6,6 bilhões – cerca …

27 março, 2017 por Locke Truong

Como a gestão de recursos humanos aumenta a mobilidade e sua força de trabalho

Essas ferramentas são excelentes para empresas em processo de expansão, simplificando o controle do capital humano em diferentes locais e legislações Para muitas empresas de médio porte, crescimento significa uma expansão global, o que representa uma maior complexidade na Gestão …

10 outubro, 2016 por Guest Blogger

Tecnologia na manufatura: a necessidade de capacitar colaboradores

Encontrar pessoal qualificado para o uso de novas tecnologias, incluindo os sistemas de gestão, demanda esforço das empresas; turn-over também é desafio a ser superado Seis em cada dez manufaturas do Brasil – e 70% das globais – já investiu …

Product Tour Virtual

Preencha a informação e veja como personalizar o Sage X3 para trabalhar do seu jeito.

Não saia ainda.

Inscreva-se na nossa newsletter e fique informado.